Valdemar Francisco

Valdemar Francisco

Sobre o Autor

 

 

Valdemar Francisco, tem se dedicado amplamente na promoção dos negócios bilaterais entre Portugal e França, incremente as oportunidades entre os dois países.

Emigrou para França, ainda não tinha completado os sete anos, no dia 14 de maio de 1960, com seis anos, e viveu nove anos no “bidonville” de Champigny, tendo começado a trabalhar com 12 anos após a morte do pai.

Aos 28 estabeleceu-se por conta própria e hoje está à frente de um grupo de empresas de construção civil que emprega diretamente 123 pessoas e que contrata cerca de 200, na maioria portugueses ou lusodescendentes.
O português nunca esqueceu a ajuda dada aos compatriotas por Louis Talamoni, o autarca de Champigny que, entre 1956 e 1972, data da extinção do “bidonville”, providenciou o fornecimento de água e eletricidade, a escolarização das crianças, o acesso aos cuidados de saúde, a recolha do lixo e a instalação de esgotos.

Presidente da associação « Les Amis du Plateau », Valdemar Francisco considera que falar do passado dos portugueses nos “bidonvilles” é “um dever de memória”.